Verificação do progresso no desenvolvimento em crianças submetidas à intervenção de atenção precoce

Artigo publicado na revista científica Ciências & Cognição, 23(2)

Autores: Natália Rosot, Bárbara Saur, Juliana W. Thomazini, Beatriz V. Santos, Caroline da S. Schlossmacher, Viviane dos R. Drapier, Tatiana Izabele J. de Sá Riechi

Resumo: Este trabalho teve como objetivo identificar o progresso no desenvolvimento de crianças antes e após programa de intervenção e atenção precoce em um Centro de Educação Infantil localizado na cidade de Curitiba, estado do Paraná.  Para isso, foram realizadas avaliações cognitivo-comportamentais através da Escala Bayley de Desenvolvimento III antes e após procedimentos de intervenção parental e escolar referentes à estimulação para um desenvolvimento adequado. A Variável Progresso (VP) é resultado da diferença entre a idade de desenvolvimento e a idade cronológica, dividido pela idade cronológica e multiplicado por 100. Esta Variável foi utilizada para comparar o desempenho antes e a após os procedimentos de intervenção. As diferenças nos índices da VP nos domínios cognitivo, linguagem receptiva e linguagem expressiva foram significativas. Nos domínios motricidade fina e motricidade grossa essa diferença não foi encontrada. Os resultados indicaram que a intervenção foi eficiente em prevenir riscos de desenvolvimento nos domínios de cognição, linguagem receptiva e linguagem expressiva. Desta forma, a intervenção e atenção precoce parecem ser um conjunto de ações importantes para a minimização de riscos e potencialização do desenvolvimento adequado da criança.

Texto completo: https://n8qhg.app.goo.gl/SJYb

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.