PREVALÊNCIA E FATORES ASSOCIADOS AOS SINTOMAS SUGESTIVOS DE DEMÊNCIA EM IDOSOS

Ezequiel Vitório Lini, Alisson Padilha de Lima, Rodrigo Britto Giacomazzi, Marlene Doring, Marilene Rodrigues Portella

Resumo


Diante do envelhecimento populacional, tornam-se frequentes as doenças crônico-degenerativas, inclusive as demências. Com o objetivo de estimar a prevalência de sintomas sugestivos de demência nos idosos de Passo Fundo-RS e identificar as intercorrências associadas realizou-se um estudo transversal com 196 idosos da área urbana do município em 2014. No questionário aplicado aos idosos ou cuidadores foram contempladas as variáveis sociodemográficas (sexo, idade, cor da pele, situação conjugal, escolaridade, aposentadoria) e as relacionadas à saúde (necessidade de cuidados, prática de atividade física, marcha independente, medicamentos, percepção de saúde autorreferida, dependência para atividades básicas e instrumentais de vida diária e estado cognitivo). Para verificar a associação entre as variáveis categóricas foram aplicados os testes qui-quadrado de Pearson e exato de Fisher a um nível de significância de 5%. Os resultados demonstraram associação significativa entre a faixa etária, cor da pele, escolaridade, necessidade de cuidados, prática de atividade física, dependência para as atividades básicas e instrumentais da vida diária. Medidas preventivas e intervencionistas devem ser estimuladas no intuito de reduzir ou retardar as complicações advindas dos quadros demenciais. 


Palavras-chave


cognição; condições de saúde; envelhecimento; demência

Texto completo:

PDF [Download]

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




____________

Endereço postal

Ciências e Cognição
A/C Prof. Dr. Alfred Sholl Franco

Sala G0-015, Bloco G, Centro de Ciências da Saúde.
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho.
Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Av. Carlos Chagas Filho S/N - Cidade Universitária
Ilha do Fundão - Rio de Janeiro, RJ 21.941-902, Brasil.

Contato Principal

Editors (Dr. Glaucio Aranha / Dr. Alfred Sholl-Franco)
Ciências e Cognição - Editors-in-chief

Ciências & Cognição
A/C Prof. Dr. Alfred Sholl Franco

Sala G0-015, Bloco G, Centro de Ciências da Saúde.
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho.
Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Av. Carlos Chagas Filho S/N - Cidade Universitária
Ilha do Fundão - Rio de Janeiro, RJ 21.941-902, Brasil.

E-mails:

revista@cienciasecognicao.org (principal)
cienciasecognicao@gmail.com (alternativo)


E-mail: revista@cienciasecognicao.org

Contato de Suporte

Comunication Office
E-mail: revista@cienciasecognicao.org