TREINO CEREBRAL PARA ADULTOS

Igor Reszka Pinheiro, Simone Maidel

Resumo


Este ensaio defende a prática da educação cerebral, treino cognitivo que visa reforçar diretamente a configuração neuronal. No caso dos adultos, cujo cérebro já se encontra relativamente estável, as duas principais diretrizes educacionais estão voltadas para a resiliência e a plasticidade, características que, simultaneamente, potencializam as funções e impedem as disfunções durante a maioridade. Sugere-se, por fim, o exercício da tomada de decisão e da tomada de consciência das emoções, o que promove o equilíbrio entre as camadas cerebrais, assim como entre as suas funções intelectuais.

Palavras-chave


educação; cérebro; adulto; plasticidade; resiliência

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




____________

Endereço postal

Ciências e Cognição
A/C Prof. Dr. Alfred Sholl Franco

Sala G0-015, Bloco G, Centro de Ciências da Saúde.
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho.
Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Av. Carlos Chagas Filho S/N - Cidade Universitária
Ilha do Fundão - Rio de Janeiro, RJ 21.941-902, Brasil.

Contato Principal

Editors (Dr. Glaucio Aranha / Dr. Alfred Sholl-Franco)
Ciências e Cognição - Editors-in-chief

Ciências & Cognição
A/C Prof. Dr. Alfred Sholl Franco

Sala G0-015, Bloco G, Centro de Ciências da Saúde.
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho.
Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Av. Carlos Chagas Filho S/N - Cidade Universitária
Ilha do Fundão - Rio de Janeiro, RJ 21.941-902, Brasil.

E-mails:

revista@cienciasecognicao.org (principal)
cienciasecognicao@gmail.com (alternativo)


E-mail: revista@cienciasecognicao.org

Contato de Suporte

Comunication Office
E-mail: revista@cienciasecognicao.org