ERROS HUMANOS: CONSIDERAÇÕES SOB UM PONTO DE VISTA COGNITIVO APLICADO A PROCESSOS CRIATIVOS DE NEGÓCIOS

Autores

  • Antonio Costa Gomes Filho Universidade Estadual do Centro-Oeste – UNICENTRO
  • Tarcisio Vanzin Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC
  • Fernando Antonio Forcellini Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC

Palavras-chave:

criatividade, erros humanos, processos de negócios, modelo conceitual

Resumo

Resumo

Neste ensaio, apoiados no paradigma da pesquisa transdisciplinar, os autores propõem um framework conceitual de referência para o conceito cognitivo de erros humanos tendo por base os conceitos de verdade, realidade e conhecimento. Paradigmas existem dentro de determinada lógica, sendo que sua formação resulta de um processo cognitivo. Conceitos são instrumentos de julgamento dentro de paradigmas estabelecidos. Os paradigmas e os conceitos de processos de negócios que exigem criatividade passam pela necessidade de materialização do conceito de erro humano. Normalmente, erros são cometidos pela obscuridade do paradigma ou pela não clareza das próprias regras ou políticas das organizações, sendo, portanto, assunto complexo. Este ensaio tem por objetivo apresentar reflexões sobre a relação existente entre os conceitos de erros humanos e criatividade como elementos de referência aplicáveis a processos de negócios que exigem criatividade.

 

Abstract

In this rehearsal, leaning in the paradigm of the research transdisciplinary, the authors propose a conceptual framework of reference for the cognitive concept of human mistakes with base in the truth reality knowledge concepts. Paradigms life in certain logic inside and their formation results of the cognitive process. Concepts are instruments of judgment inside of established paradigms. The paradigms and the concepts of the processes of the businesses that demand creativity go by into need of materialization of the concept of human mistake. Usually, mistakes are made by the obscurity of the paradigm or for the non clarity of the own rules or politics of the organizations, being, therefore, complex matter. This rehearsal has for objective to present reflections about the existent relationship between the concepts of human mistakes and creativity as applicable reference elements for processes of businesses that demand creativity.

Biografia do Autor

Antonio Costa Gomes Filho, Universidade Estadual do Centro-Oeste – UNICENTRO

é professor no Departamento de Administração da Universidade Estadual do Centro-Oeste – UNICENTRO. É aluno do Doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento – EGC/UFSC e Mestre em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela PUC/CAMPINAS.

Tarcisio Vanzin, Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC

Professor na Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC. Ministra a disciplina: Erros Humanos, área de Concentração – Mídias do Conhecimento no Programa de Pós Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento- EGC/UFSC.

Fernando Antonio Forcellini, Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC

Professor na Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC. Atua no Programa de Pós Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento- EGC/UFSC. É Diretor de Inovação da Agência de Inovação Instituto Fábrica do Milênio. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq – Nível 2.

Publicado

2009-03-30

Como Citar

Gomes Filho, A. C., Vanzin, T., & Forcellini, F. A. (2009). ERROS HUMANOS: CONSIDERAÇÕES SOB UM PONTO DE VISTA COGNITIVO APLICADO A PROCESSOS CRIATIVOS DE NEGÓCIOS. Ciências & Cognição, 14(1), pp. 219-232. Recuperado de http://www.cienciasecognicao.org/revista/index.php/cec/article/view/46

Edição

Seção

Artigos Científicos / Scientific Articles