INSERÇÃO DOS CENTROS E MUSEUS DE CIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO: ESTUDO DE CASO DO IMPACTO DE UMA ATIVIDADE MUSEAL ITINERANTE

Autores

  • Grazielle R. Pereira Centro Federal de Educação Tecnológica de Química de Nilópolis
  • Maura V. Chinelli Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)
  • Robson Coutinho-Silva Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Palavras-chave:

divulgação científica, museus de ciências, educação nãoformal, inclusão social

Resumo

Resumo


O ensino de ciências no ensino tradicional geralmente privilegia a transmissão de conteúdos de forma descontextualizada do quotidiano do aluno. Iniciativas de educação não-formal que
visam aproximar a ciência do senso comum tendem a minimizar essa problemática. Dentro desse contexto, destacam-se os centros e museus de ciências que atuam como facilitadores do aprendizado em ciências. O presente trabalho investigou, por meio de um estudo de caso, o grau de inserção desses espaços junto a moradores de regiões distantes dos grandes centros urbanos. Adicionalmente, foi desenvolvido o projeto “Ciência vai à escola” que visou a interiorização de atividades museais, no qual avaliou-se o impacto de atividades de divulgação científica nos visitantes. Os resultados desse estudo demonstraram que as atividades experimentais exerceram um impacto favorável sobre os participantes, constatando-se um grande interesse por parte dos visitantes em saber mais sobre o tema da exposição após participação nas atividades.

Abstract


The teaching of science in traditional institutions usually focus on the transmission of contents out of context with the student’s daily life. As a way to minimize this problem, initiatives of non-formal education arise, aimed at bringing closer science to common sense. In this context are the science centers and science museums, acting as facilitators of the learning of science. This study investigated, through a case study, the degree of the integration of these spaces among the residents of regions far from major urban centers. The project "Science goes to school" was also created, aiming for the internalization of “museum” activities, in which the impact of the scientific education activities for the visitors was evaluated. The results of that study demonstrated that the experimental activities have positive impact on the participants, as well as was verified a great interest on the part of the visitors in knowing more about the exposition theme after participating in the activities.

 

Biografia do Autor

Grazielle R. Pereira, Centro Federal de Educação Tecnológica de Química de Nilópolis

Licenciada em Física, Mestre em Ensino de Ciências (IOC/FIOCRUZ). Atua como Professora do Ensino Médio Técnico (CEFET Química) e do curso de graduação
em Produção Cultural. É Orientadora e Professora do Curso de Especialização em Educação Profissional de Jovens e Adultos (Especialização em Produção Cultural, CEFET Química) e Coordenadora do Centro de Ciência e Cultura (CEFET Química).

Maura V. Chinelli, Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)

Química e Pedagoga, Especialista em Ensino de Ciências (Universidade Federal Fluminense, UFF), Mestre em Educação (Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ) e Doutoranda em Ensino de Ciências (IOC/FIOCRUZ). É Orientadora do Curso de Especialização em Educação Profissional de Jovens e Adultos (CEFET Química) e Diretora de Graduação (CEFET Química), à qual está vinculado o Centro de Ciência e Cultura.

Robson Coutinho-Silva, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Especialista em Ensino de Ciências (Exploratorium, EUA) e Doutor em Ciências Biológicas (UFRJ). Atua como
Professor Associado no Programa de Imunobiologia (IBCCF, UFRJ), Coordenador Pedagógico do Museu Participativo de Ciências Espaço Ciência Viva e Orientador no Programa de Pós Graduação em Ensino de Biociências e Saúde (FIOCRUZ).

Publicado

2009-04-05

Como Citar

Pereira, G. R., Chinelli, M. V., & Coutinho-Silva, R. (2009). INSERÇÃO DOS CENTROS E MUSEUS DE CIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO: ESTUDO DE CASO DO IMPACTO DE UMA ATIVIDADE MUSEAL ITINERANTE. Ciências & Cognição, 13(3), 100-119. Recuperado de http://www.cienciasecognicao.org/revista/index.php/cec/article/view/66

Edição

Seção

Artigos Científicos / Scientific Articles