ETIOLOGIA DAS ALUCINAÇÕES

Autores

  • Mauricio Aranha Instituto de Ciências Cognitivas (ICC)

Palavras-chave:

social, inconsciente, processo, personalidade, alucinação

Resumo

Resumo

Este trabalho propõe pontuar alguns dos relevantes aspectos de interesse neuropsíquico que faz do estudo da alucinação um marco para a neurociência e saúde mental. Tal estudo tem por objetivo propiciar um aprofundamento nos conceitos fundamentais da alucinação a partir de uma construção teórico-crítica que permita uma visão panorâmica dos diversos fatores que direta e indiretamente estão ligados aos processos alucinatórios. O trabalho de pesquisa objetiva situar e evidenciar a presença de fatores diversos como elementos de análise e construção da realidade objetiva e subjetiva do processo alucinatório.

Abstract

This work intends to punctuate some of the relevant aspects of interest neuro-psychic that he/she does a mark of the study of the hallucination for the neuro-science and mental health. Such a study has for objective to propitiate an deepen in the fundamental concepts of the hallucination starting from a construction theoretical-critic that allows a panoramic vision of the several factors that direct and indirectly they are linked to the hallucinatory processes. The research work aims at to place and to evidence the presence of several factors as analysis elements and construction of the reality aims at and subjective of the hallucinatory process.

Publicado

2009-03-28

Como Citar

Aranha, M. (2009). ETIOLOGIA DAS ALUCINAÇÕES. Ciências & Cognição, 2. Recuperado de https://www.cienciasecognicao.org/revista/index.php/cec/article/view/28

Edição

Seção

Artigos Científicos / Scientific Articles