GESTÃO DE CONFLITOS EM UMA ORGANIZAÇÃO DA ÁREA DA SAÚDE EM PORTUGAL

Autores

  • Sandra Carvalho Torres Universidade Fernando Pessoa Faculdade de Ciências Humanas e Sociais
  • Pedro Cunha Universidade Fernando Pessoa Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Porto, Portugal

Palavras-chave:

conflito, estilos de gestão de conflito, conflito organizacional

Resumo

Resumo

 

Em um contexto de crise como o que vivemos, a presente investigação procura contribuir para uma melhor compreensão da dinâmica estabelecida entre estratégias de gestão de conflito e algumas variáveis sociodemográficas. No âmbito laboral, há uma certa carência de investigações, em Portugal, sobre o modo como os conflitos são geridos no setor farmacêutico, o que confere um caráter inovador ao estudo. A problemática das estratégias de gestão de conflito tem sido objeto de inúmeras análises, sendo que a abordagem bidimensional tem recebido robustas evidências empíricas. Inscrito nessa abordagem, o questionário sobre estratégias de resolução de conflitos (QERC) permite avaliar cinco estratégias de gestão de conflitos interpessoais em ambiente organizacional. O objetivo geral do estudo foi analisar essas estratégias utilizadas em uma organização multinacional na qual foram aplicados o referido instrumento e um breve questionário sociodemográfico em uma amostra de 117 indivíduos. Os resultados sugerem correlações pertinentes entre gênero, número de colaboradores a cargo e habilitações literárias e alguns dos estilos adotados em conflito sociolaboral. Permitem, ainda, uma reflexão importante sobre os contornos que os conflitos e as formas de o gerir assumem no contexto específico de uma multinacional do setor da saúde perante os reptos atuais.

Palavras-chave: conflito; estilos de gestão de conflito; conflito organizacional

 

Abstract 

In a context of crisis as we live, the present investigation seeks to contribute to a better understanding of the dynamic between conflict management strategies and some social-demographical variables. In the labor setting, there´s a certain scarcity of research in Portugal about the way conflicts are managed in the pharmaceutical sector that gives to the study an innovative character. The problematic of the conflict management strategies as been object of many analysis, and the bi-dimensional approach has received robust empirical evidences. In this perspective, the Questionnaire of conflict resolution strategies (QERC) that allows evaluating five strategies of interpersonal conflict management in the organizational context. The main objective was to analyze those strategies used in a multinational organization where we applied the instrument and a brief socio-demographical questionnaire to a sample of 117 individuals. Results suggest pertinent correlations between gender, number of collaborators in charge and scholar abilities and some of the styles and allow an important reflection about how conflicts are managed in this specific context of a multinational of the health sector nowadays.

Keywords: conflict, conflict management styles, organizational conflict.

Biografia do Autor

Sandra Carvalho Torres, Universidade Fernando Pessoa Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

S.Carvalho Torres é graduada em Psicologia (Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da UniversidadeFernando Pessoa - Portugal) e Mestre em Mediação e Interculturalidade(Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Fernando Pessoa -Portugal).

Pedro Cunha, Universidade Fernando Pessoa Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Porto, Portugal

P. Cunha é graduado em Psicologia (Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica do Porto - Portugal) e em Sociologia (Faculdade de Letras da Universidade do Porto - Portugal), Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde (Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica do Porto - Portugal) e Doutor em Psicologia (Faculdade de Psicologia da Universidade de Santiago de Compostela – Espanha).

Atua como Professor Associado com Agregação (Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Fernando Pessoa - Portugal) e como Professor Convidado (Porto Business School da Universidade do Porto - Portugal).

Publicado

2014-12-29

Como Citar

Carvalho Torres, S., & Cunha, P. (2014). GESTÃO DE CONFLITOS EM UMA ORGANIZAÇÃO DA ÁREA DA SAÚDE EM PORTUGAL. Ciências & Cognição, 19(3). Recuperado de https://www.cienciasecognicao.org/revista/index.php/cec/article/view/946

Edição

Seção

Artigos Científicos / Scientific Articles