O grupo de pesquisa Neuroeduc Neurociências Aplicadas à Educação está contando com a participação de uma nova mestranda. Parabenizamos Maria Teresa Gouveia Marques de Oliveira pela aprovação no processo seletivo para o mestrado no Curso de Mestrado Profissional em Diversidade e Inclusão (CMPDI), da Universidade Federal Fluminense (UFF), com o projeto Transtorno de Desenvolvimento da Coordenação em escolares e a percepção dos professores sobre o TDC, tendo como orientador o Prof. Alfred Sholl-Franco.

Maria Teresa é graduada em Direito, pelo Centro Universitário da Cidade (2008) e em Pedagogia, pela Universidade Candido Mendes (2011). Atua, como professora, no CIEP Doutor Antoine Margarinos Torres Filho, tendo interesse no estudo de dificuldades de aprendizagem, vínculos afetivos e transtornos de desenvolvimento de coordenação. Começou a participar das reuniões do grupo de pesquisa Neuroeduc (Registro no CNPq http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/21128), em 2021, e de outras atividades ligadas a Ciências e Cognição, como o curso de Introdução ao Método Científico para a Aprendizagem Investigativa (IMCAI), promovido pelo projeto Redeneuro.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.